sexta-feira, 6 de setembro de 2013

Special Edition - 25. Roger Waters

ROGER WATERS : O Gênio Daliniano do Rock Progressivo faz aniversário !


George Roger Waters (Surrey, 6 de setembro de 1943) é um músico, cantor e compositor inglês.
É um dos fundadores da banda de rock progressivo/rock psicodélico Pink Floyd, na qual atuou como baixista e vocalista. Após a saída de Syd Barrett do grupo, em 1968, Waters se tornou o letrista da banda, o principal compositor e o líder conceitual do grupo. Subsequentemente, a banda conquistaria sucesso internacional nos anos 70 com os álbuns conceituais The Dark Side of the Moon, Wish You Were Here, Animals e The Wall. Ainda que seu instrumento primário no Pink Floyd tenha sido o baixo, ele também já experimentou sintetizadores e tape loops, além de tocar guitarra rítmica em gravações e apresentações. Alegando diferenças criativas com o grupo, Waters deixou o Pink Floyd em 1985, iniciando uma batalha legal com os membros restantes pelo direito futuro de usar o nome e o material do grupo. A disputa encerrou-se em 1987, e levaram quase dezoito anos para que ele tocasse novamente com o Pink Floyd. Estima-se que, até o ano de 2010, o grupo tenha vendido mais de 200 milhões de álbuns ao redor do mundo, incluindo 75 milhões vendidos apenas nos Estados Unidos.


A carreira solo de Waters inclui três álbuns de estúdio: The Pros and Cons of Hitch Hiking (1984), Radio K.A.O.S. (1987) e Amused to Death (1992). Em 1990, Waters produziu um dos maiores concertos de rock da história, The Wall — Live in Berlin, com um público estimado de duzentas mil pessoas. Em 1996, ele foi induzido ao Hall da Fama do Rock and Roll, como membro do Pink Floyd. Waters tem estado em turnê extensivamente desde 1999, tocando The Dark Side of the Moon integralmente em suas turnês mundiais de 2006 a 2008.


Em 2 de julho de 2005, ele reuniu os seus ex-parceiros de Pink Floyd Nick Mason, Richard Wright e David Gilmour para o Live 8, um concerto de caridade. Foi a primeira aparição do grupo com Waters desde a última performance deles, 24 anos antes. Em 2010, ele iniciou a turnê The Wall Live, que inclui uma performance completa do álbum The Wall. Durante essa turnê, Gilmour e Mason (os únicos remanescentes do Pink Floyd, dada a morte de Richard Wright), mais uma vez, se uniram à Waters, em 12 de maio de 2011, na O2 Arena, em Londres. Tocou, com Gilmour, "Comfortably Numb"; Mason se juntou em "Outside the Wall".
Waters se casou três vezes, tendo três filhos: Harry (1976), India (1978) e Jack Fletcher (1997).


BIOGRAFIA
Em 6 de Setembro de 1943, George Roger Waters, filho de Mary e Eric Fletcher Waters, nasceu em Surrey. Seu pai prestou vários serviços a Inglaterra nos anos da Segunda Guerra Mundial, onde acabou morto como um dos oficiais enquanto Roger tinha 5 mêses. A morte de seu pai na guerra foi alvo de vários trabalhos futuros na carreira de Roger, principalmente em The Final Cut. Posteriormente se mudou com sua mãe e seu irmão para Cambridge.


Em sua educação em Cambridge conheceu Syd Barrett, com quem futuramente junto de Nick Mason e Richard Wright fundou o Sigma 6, futuramente a banda de rock psicodélico Pink Floyd. Após adulto ergueu grandes críticas negativas ao sistema educacional inglês, principalmente internatos, onde segundo ele os professores oprimiam os alunos e destacavam fraquezas, algo bem detalhado na ópera rock The Wall.
Tocando na maioria das vezes o contra-baixo no Pink Floyd, lançaram seu primeiro albúm: The Piper at the Gates of Dawn. Com temas sugestivos, ficções sobre gnomos, e outros asuntos peculiares alcançaram um sucesso inicial.


Após outro dos fundadores, Syd Barrett, ter abandonado o grupo devido a disturbios psicológicos e psiquiátricos, causados, possívelmente por conta do abuso de drogas, no fim dos anos 60, Waters definiu a direcção artística da banda, levando os Pink Floyd para o centro das atenções, produzindo uma série de álbuns que continuam entre os mais aclamados pela crítica e dos mais vendidos de todos os tempos. Essa certa liderança porém sobre o quarteto, sempre de uma forma democrática, pelo menos até o The Wall.
Após a saída de Syd, no comando de Waters o quarteto de Cambridge formou alguns álbuns que mantiveram a banda nessa fase de transição de características, mas foi alcançar o seu grande auge com o The Dark Side of the Moon, em 1973. 


Considerado por muitos um dos maiores álbuns da história, e um dos melhores do Pink Floyd (se não o melhor), esse iniciou a sequencia dos 4 albúns de grande sucesso da banda. Depois dele, Wish You Were Here, Animals e a ópera rock The Wall. As grandes obras da banda inglesa se destacaram principalmente por suas abordagens filosóficas, questionantes, abordagens metafísicas, existencialistas,críticas principalmente políticas e o modo da raça humana de viver, sendo lideradas por Roger, e quase sempre, pessimistas. Esses temas abordados levaram alguns críticos de décadas passadas usar sr. Sombrio, o homem mais triste do rock, e outros epítetos para descrever Waters,mas dentro do grupo era carismático e sorridente nas gravações.Tinha dias que terminavam a gravação, saia do estúdio e ia assistir seu time jogar o Arsenal.


A relação de Waters com David Gilmour foi-se tornando tensa nos finais dos anos 70, à medida que Waters ia exercendo cada vez mais o controle criativo sobre o grupo,o ego foi tomando conta de si e com isso foi acabando com a amizade entre os membros do Pink Floyd. A última colaboração Waters/Gilmour, The Final Cut de 1983 foi creditada como sendo um trabalho de Waters, com música tocada pelos Pink Floyd (no verso da capa),a relação deles na época era terrível,os 3 gravavam separadamente em estúdios e horários opostos. Waters deixou a banda, e o desacordo sobre a intenção de Gilmour continuar a usar o nome dos Pink Floyd levou-os à barra do tribunal. Waters argumentava que tendo a banda sido criada por ele, Syd Barrett, Nick Mason, e Richard Wright, não havia razão para o grupo continuar a se chamar Pink Floyd, devido ao fato de contar apenas com um dos elementos originais, (Wright havia sido "demitido" da banda por Waters por conta de desentendimentos, antes da gravação de The Final Cut, retornando mais tarde quando a banda já estava sob o controle de Gilmour). Outro dos argumentos de Waters era o fato de ser o autor da maior parte das letras das músicas dos Pink Floyd desde o abandono de Syd Barrett,o que deu mais fúria principalmente a David Gilmour. Mesmo assim, Gilmour ganhou o direito de usar o nome dos Pink Floyd e a maioria das suas músicas, ficando Waters apenas com os direitos do álbum The Wall e de todas as suas músicas.
O artista Roger Waters foi considerado o 22º melhor baixista do Milênio, numa lista divulgada pela revista Guitar, há poucos anos.



PINK FLOYD : Mother Live 1981


ROGER WATERS : In The Flesh Live Istanbul 2013


ROGER WATERS : Perfect Sense Live Legendado


ROGER WATERS & EDDIE VEDDER : Comfortably Numb Live


GREGORIAN : Wish You Where Here Live


ROGER WATERS : We Shall Overcome Legendado

video

ROGER WATERS : Hey You Live In Rome 2013


ROGER WATERS & ERIC CLAPTON : Wish You Where Here


ROGER WATERS & DAVID GILMOUR : Comfortably Numb Live London 2012


ROGER WATERS : Outside The Wall Live In São Paulo 2012


Roger Waters é um dos maiores gênios que o Rock produziu.
Insuperável nas letras, composições e montagem cênica, transpondo os limites da música, saturando todos os nossos sentidos a fim de nos conduzir ao Reino dos Céus.
Longa Vida a Roger Waters !
Longa Vida ao Rock And Roll !


Nenhum comentário:

Postar um comentário